Dizem que finjo ou minto tudo que escrevo. Não. Eu simplesmente sinto com a imaginação. Não uso o coração.
Tudo o que sonho ou passo, o que me falha ou finda, é como que um terraço sobre outra coisa ainda. Essa coisa é que é linda.
Por isso escrevo em meio do que não está ao pé, livre do meu enleio, sério do que não é. Sentir, sinta quem lê! [Fernando Pessoa, in "Cancioneiro]

17.1.13

Vida, vida, vida!



Construí amigos,
enfrentei derrotas,
venci obstáculos,
bati na porta da vida e disse-lhe:
Não tenho medo de vivê-la.



[Augusto Cury]



^^

2 comentários:

Malu Silva disse...

Só consegue compreender as mais diversas sensações que realmente tem coragem de VIVER a VIDA em toda sua plenitude, sem medo do bem ou do mal...
Abraços e linda tarde!!!

Jason Jr. disse...

Assim que se fala! ;) :)