Dizem que finjo ou minto tudo que escrevo. Não. Eu simplesmente sinto com a imaginação. Não uso o coração.
Tudo o que sonho ou passo, o que me falha ou finda, é como que um terraço sobre outra coisa ainda. Essa coisa é que é linda.
Por isso escrevo em meio do que não está ao pé, livre do meu enleio, sério do que não é. Sentir, sinta quem lê! [Fernando Pessoa, in "Cancioneiro]

5.11.09


Sinto falta de ti
do riso pelas tardes
(a tua boca um sol)
do sabor a maçã
(a tua língua um beijo)
do cheiro a malvasia
(o teu corpo um perfume)
do segredo de ficarmos calados
suspensos num olhar
a acender o rosto
a devorar a boca
a incendiar o corpo.

[Maria Aurora de Carvalho - Homem, Discurso amoroso]

7 comentários:

Daniel Savio disse...

Menina, amores sempre provocam isto na gente...

Fique com Deus, menina xará Danni.
Um abraço.

Marcelo Mayer disse...

ouça "sem fantasia" com chico buarque e maria bethânia

Luna Sanchez disse...

Hummmmm

Dannizinha, estou numa fase se viver, de passar por situações boas, mesmo que seja para sentir falta delas logo ali, adiante.

Beijo, querida.

ℓυηα

Abstrata disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kleiton - Simplesmente Ser disse...

Quando temos alguem que incendeia nosso corpo, temos fome desse fogo. bjos

Nara Murta disse...

Sinto essa falta todos os dias. Uma falta que acaba virando saudade e com gostinho de quero mais!

beijo

Luh ((Luxuriaa)) disse...

Passando pra deixar um bjim.. otimo fds!