Dizem que finjo ou minto tudo que escrevo. Não. Eu simplesmente sinto com a imaginação. Não uso o coração.
Tudo o que sonho ou passo, o que me falha ou finda, é como que um terraço sobre outra coisa ainda. Essa coisa é que é linda.
Por isso escrevo em meio do que não está ao pé, livre do meu enleio, sério do que não é. Sentir, sinta quem lê! [Fernando Pessoa, in "Cancioneiro]

9.7.09

Liberdade


"Desligada
O vento morde meus cabelos sem medo:
Tenho todas as idades."


[Olga Savary]
^^

3 comentários:

Tetê disse...

Dannnniii!!

e se solto os cabelos, se faço de meu grito, meu som único...

mininaaaaaa... ce nem imagina o estrago!!


rssss

desculpa!!

Luna Sanchez disse...

♪ "Voe por todo o mar e volte aqui, pr'o meu peito..." ♫

Lembrei dessa.

Beijos,

ℓυηα

°•~ ∂ąnnι °•~ disse...

Tetê,

Mas que babado é esse?! Quer dizer então que essa é a fórmula sacreta?
Vou experimentar... será que vai dá certo?!

rsrsrs...




Luna,

Adoooro essa música...
Aliás, eu adoro tudo que fala ao coração...

Bjs!


=)