Dizem que finjo ou minto tudo que escrevo. Não. Eu simplesmente sinto com a imaginação. Não uso o coração.
Tudo o que sonho ou passo, o que me falha ou finda, é como que um terraço sobre outra coisa ainda. Essa coisa é que é linda.
Por isso escrevo em meio do que não está ao pé, livre do meu enleio, sério do que não é. Sentir, sinta quem lê! [Fernando Pessoa, in "Cancioneiro]

8.5.09

Hipocrisia... é o que temos no prato do dia.


Infelizmente o ser humano tem o ridículo hábito de seguir o caminho mais fácil. De julgar sem conhecer. De culpar por não querer se comprometer. De chorar para inverter situações.
Eu pensava que hipocrisia era coisa de político, que maldade só saía no jornal e que covardia era coisa de quem tinha medo.
Com o passar do tempo eu fui descobrindo que há mais pessoas do que você supunha com boas intenções de governar você. Que há mais pessoas do que você supunha que encenariam perfeitamente o papel da vilã da novela das nove. Que há mais pessoas do que você supunha com medo de perder.
Fico triste com tudo isso, logo eu que (ainda) acredito nas pessoas. Não que alguém tenha me passado pra trás ou me decepcionado. Embora frágil, ainda sou forte. Isso é apenas um desabafo diante do mundo. Acho que o mundo precisa de sonhos, cores, e um pouquinho mais de atenção com algo que não seja nosso próprio espelho.
^^

3 comentários:

Luis Tavares disse...

São pessoas. Dani...
Com as mesquinharias delas possibilitam seu crescimento...
Com as pequenezas delas possibilitam seu engrandecimento...
Não é motivo de satisfação decepcionar-se...
Mas persevere...
A luz buscada no fim do tunel vc a emcontrará no seu proprio e delicado coração...
Com carinfo
O amigo
Luis.

Patricia Branco disse...

Mto bom...
Penso da mesma forma!!
Lembre-se...
Ostras precisam ser feridas, para que produzam pérolas...
Vc já produz amiga!!
Amo vc!!

°•~ ∂ąnnι °•~ disse...

Obrigada Luis pelas palavras de carinho.

Patty, muito obrigada pela sua amizade... quanto às pérolas, acho que não existe muita diferença entre mim e a ostra... Mas tudo bem, faz parte do crescimento.

Bjs!

=)