Dizem que finjo ou minto tudo que escrevo. Não. Eu simplesmente sinto com a imaginação. Não uso o coração.
Tudo o que sonho ou passo, o que me falha ou finda, é como que um terraço sobre outra coisa ainda. Essa coisa é que é linda.
Por isso escrevo em meio do que não está ao pé, livre do meu enleio, sério do que não é. Sentir, sinta quem lê! [Fernando Pessoa, in "Cancioneiro]

14.12.08

Coisas do Coração

"Quando o navio finalmente alcançar a Terra, e o mastro da nossa bandeira se interrar no chão, eu vou poder pegar em tua mão, falar de coisas que eu não disse ainda não. Coisas do coração, coisas do coração... Quando a gente se tornar rima perfeita, e assim virarmos de repente uma palavra só, igual a um nó que nunca se desfaz, famintos um do outro como canibais...
Paixão e nada mais, paixão e nada mais."

Coisas do coração - Raul Seixas

Um comentário:

Danni disse...

Ellen,

Linda canção do Raul Seixas... Não conhecia essa letra... Linda, linda, linda....

Agora, só uma perguntinha: Encontrastes conteúdo nesse nível, nos funks de teu MP3??

Fico feliz pelo enorme progresso.


Bjs!

Danielle