Dizem que finjo ou minto tudo que escrevo. Não. Eu simplesmente sinto com a imaginação. Não uso o coração.
Tudo o que sonho ou passo, o que me falha ou finda, é como que um terraço sobre outra coisa ainda. Essa coisa é que é linda.
Por isso escrevo em meio do que não está ao pé, livre do meu enleio, sério do que não é. Sentir, sinta quem lê! [Fernando Pessoa, in "Cancioneiro]

8.6.11

Nunca fui como todos...



Nunca tive muitos amigos
Nunca fui favorita
Nunca fui o que meus pais queriam
Nunca tive alguém que amasse
Mas tive somente a mim
A minha absoluta verdade
Meu verdadeiro pensamento
O meu conforto nas horas de sofrimento
não vivo sozinha porque gosto
e sim porque aprendi a ser só...


[Florbela Espanca]


^^

2 comentários:

Fenix disse...

Vc pode não ter sido tudo o que os outros queriam que fosse, mas o importante é nunca perder a sua essencia, quanto a estar só pense: o sol mesmo solitario nunca deixa de brilhar todos os dias!
Por isso que seja como for, vc esta sendo o que sempre quis ser, vc mesma!

bjs

Eraldo Paulino disse...

Gostaria de informar que meu blog encontra-se em manutenção até segunda feira, 20/06, às19h.

Inclusive, gostaria de te convidar pra me visitar a partir desse dia, pra celebrar comigo os 02 anos do paulinisses.

Bjs!