Dizem que finjo ou minto tudo que escrevo. Não. Eu simplesmente sinto com a imaginação. Não uso o coração.
Tudo o que sonho ou passo, o que me falha ou finda, é como que um terraço sobre outra coisa ainda. Essa coisa é que é linda.
Por isso escrevo em meio do que não está ao pé, livre do meu enleio, sério do que não é. Sentir, sinta quem lê! [Fernando Pessoa, in "Cancioneiro]

4.4.11

O Muro


Se você quiser... Eu posso mostrar que não tem Mais motivo algum Pra você se deixar ser também Um inconformado comum Que nunca pensa em chegar além Desses muros contruídos Pela visão limitada de alguém Esses muros são construídos Pela visão limitada de alguém
[Composição: Pitty]


^^

2 comentários:

Flor de Lótus disse...

Oi,Danni!Passando para conhecer seu blog, ainda não conhecia essa música da Pitty a letra diz tudo, muitas vezes nos limitamos porque nos dizem que só podemos chegar até ali.
Uma ótima semana!
Beijosss

Daniel Savio disse...

Interessante, mas com certeza, a gente ajuda aqueles amamos ir além...

Fique com Deus, menina xará Danielle.
Um abraço.