Dizem que finjo ou minto tudo que escrevo. Não. Eu simplesmente sinto com a imaginação. Não uso o coração.
Tudo o que sonho ou passo, o que me falha ou finda, é como que um terraço sobre outra coisa ainda. Essa coisa é que é linda.
Por isso escrevo em meio do que não está ao pé, livre do meu enleio, sério do que não é. Sentir, sinta quem lê! [Fernando Pessoa, in "Cancioneiro]

7.4.10

Como posso saber?


^^

7 comentários:

Déia disse...

Difícil...mesmo!
Comece com o que não deseja... ja da pra eliminar muuuita coisa!

bj

Sandra Timm™ disse...

É difícil saber...

Elimine o que não gostaria que fizesse com vc, já terá um monte de coisa que não gostaria de fazer.

Veja o que te faz feliz...

E não esqueça que sempre há tempo para se rever nossas escolhas e se recomeçar.

Beijo

Luna Sanchez disse...

Hummmmmmm

Começando por descartar algumas opções...será?

:p

Dois beijos, flor.

ℓυηα

Menina Misteriosa disse...

Eu tenho, apenas, uma leve noção...
Se souber como descobrir isso, você me conta?!
:)
Beijo!


http://meninamisteriosa.wordpress.com/
http://www.aceuabertodaboca.blogspot.com/

Eraldo Paulino disse...

Perguntas do tipo me faço tempo todo.
Ao mesmo tempo que isso me movo, também me emperra.

Bjs que calam e fazem!

Hana disse...

Amei eu blog aki te leio, aki te sigo, aki fico, seu cantinho é simpático e doce.
com carinho
Hana

Daniel Savio disse...

Retirar coisas que não tem mais utilidade na nossa vida sempre é bom, mas pense realmente o que quer tirar, pois mesmo um amor acabado foi feliz por um tempo...

Fique com Deus, menina xará Danni.
Um abraço.