Dizem que finjo ou minto tudo que escrevo. Não. Eu simplesmente sinto com a imaginação. Não uso o coração.
Tudo o que sonho ou passo, o que me falha ou finda, é como que um terraço sobre outra coisa ainda. Essa coisa é que é linda.
Por isso escrevo em meio do que não está ao pé, livre do meu enleio, sério do que não é. Sentir, sinta quem lê! [Fernando Pessoa, in "Cancioneiro]

29.11.08

DEUS a cima de TUDO!!!!

Espírito Santo, tu és a alma de minha alma!
Adoro-te humildemente.

Ilumina-me, fortalece-me, guia-me, consola-me.

Revela-me quanto corresponde aos planos de eterno Pai.

Revela-me teus desejos.

Faze-me conhecer o que o amor eterno deseja de mim.

Faze-me conhecer o que devo fazer.

Faze-me conhecer o que devo sofrer.

Faze-me conhecer o que devo, em silêncio, modéstia e reflexão, aceitar, suportar e aturar.

Sim, Espírito Santo, faze-me conhecer tua vontade e a vontade do Pai,

pois quero que toda a minha vida não seja senão um contínuo e perpétuo Sim aos desejos, à vontade do Pai eterno. Amém.

^^

Nenhum comentário: